AveiroMag AveiroMag

Magazine online generalista e de âmbito regional. A Aveiro Mag aposta em conteúdos relacionados com factos e figuras de Aveiro. Feita por, e para, aveirenses, esta é uma revista que está sempre atenta ao pulsar da região!

Aveiro Mag®

Faça parte deste projeto e anuncie aqui!

Pretendemos associar-nos a marcas que se revejam na nossa ambição e pretendam ser melhores, assim como nós. Anuncie connosco.

Como anunciar

Aveiro Mag®

Avenida Dr. Lourenço Peixinho, n.º 49, 1.º Direito, Fracção J.

3800-164 Aveiro

geral@aveiromag.pt
Aveiromag

TA cria Laboratório de Dramaturgia para incentivar criação textual dramática

Artes

O Teatro Aveirense acaba de abrir as inscrições para o seu novo Laboratório de Dramaturgia. A iniciativa tem como objetivo incentivar a criação textual dramática, bem como promover o conhecimento e a reflexão teórica sobre as diferentes manifestações históricas da dramaturgia. Através de um painel composto por diferentes artistas e académicos, pretende-se oferecer um acompanhamento teórico e prático a todos os formandos, que terão a oportunidade de desenvolver e editar os seus próprios trabalhos.

O Laboratório de Dramaturgia tem início no dia 7 de fevereiro e estende-se até julho, com a duração de seis meses, com três sessões por mês, tendo por formadores Bruno dos Reis, Jorge Palinhos, Lígia Soares, Maria Sequeira Mendes, Nuno M Cardoso e Rui Pina Coelho.

As inscrições estão abertas até 7 de fevereiro e podem ser realizadas mediante envio de formulário de inscrição disponível em www.teatroaveirense.pt. O valor total da inscrição é de 90 euros para estudantes e 180 euros para não estudantes. Aplica-se desconto de 20% nas inscrições até 31 de janeiro.

O Laboratório de Dramaturgia pretende ser uma plataforma que incentiva a experimentação e a criação, oferecendo aos seus participantes um conjunto de ferramentas e metodologias práticas que potenciem a idealização, conceção e realização das suas obras pessoais.

As aulas terão três modelos distintos com valências teóricas e valências práticas. Das valências teóricas, sublinha-se a formação continuada com o coordenador e professor residente, que fará as devidas contextualizações históricas, acompanhado de material informativo e respetivas obras a serem analisadas, bem como formadores externos convidados mensalmente, que abordarão um autor ou uma temática específica na qual já possuam trabalho realizado.

Por outro lado, e de valências práticas, haverá sessões dedicadas à criação de pequenas propostas dramáticas por parte dos formandos, condicionados pelos objetivos e métodos sugeridos, sendo acompanhados da respetiva análise crítica pelo formador e pelo restante grupo. Ainda neste campo, pretende-se oferecer aos alunos uma perspetiva mais ampla do que o habitual, introduzindo-os ao trabalho que é feito por diferentes encenadores, intérpretes e coreógrafos quando se propõem a trabalhar um texto.

Campus Jazz Publicidade

Apelo a contribuição dos leitores

O artigo que está a ler resulta de um trabalho desenvolvido pela redação da Aveiro Mag. Se puder, contribua para esta aposta no jornalismo regional (a Aveiro Mag mantém os seus conteúdos abertos a todos os leitores). A partir de 1 euro pode fazer toda a diferença.

IBAN: PT50 0033 0000 4555 2395 4290 5

MB Way: 913 851 503

Deixa um comentário

O teu endereço de e-mail não será publicado. Todos os campos são de preenchimento obrigatório.