AveiroMag AveiroMag

Magazine online generalista e de âmbito regional. A Aveiro Mag aposta em conteúdos relacionados com factos e figuras de Aveiro. Feita por, e para, aveirenses, esta é uma revista que está sempre atenta ao pulsar da região!

Aveiro Mag®

Faça parte deste projeto e anuncie aqui!

Pretendemos associar-nos a marcas que se revejam na nossa ambição e pretendam ser melhores, assim como nós. Anuncie connosco.

Como anunciar

Aveiro Mag®

Avenida Dr. Lourenço Peixinho, n.º 49, 1.º Direito, Fracção J.

3800-164 Aveiro

geral@aveiromag.pt
Aveiromag

Festivais de Outono prestes a viver os seus últimos três concertos

Artes

Os Festivais de Outono 2019 aproximam-se do fim, não sem antes passarem pela música para saxofone e pelo jazz contemporâneo. Para o último concerto, como vem sendo hábito, está reservada a música para orquestra, com as orquestras de Cordas e de Sopros do Departamento de Comunicação e Arte (DeCA) da Universidade de Aveiro (UA), em colaboração com a Filarmonia das Beiras.

Antes disso, o Liberum Quartet, quarteto de saxofone constituído por músicos alunos da UA, atua em Ílhavo - concerto agendado para esta quarta-feira, a partir das 21h30, no Museu Marítimo de Ílhavo. É um grupo formado por quatro jovens saxofonistas portugueses que surgiu devido à grande paixão que os membros nutriam, tanto pelo saxofone, como pela música de câmara.

O Nuno Guedes Campos Trio tem agendada para 28 de novembro a segunda passagem pelos Festivais deste ano, no Avenida Café Concerto, a partir das 21h30. O trio, liderado pelo compositor e guitarrista Nuno Guedes Campos, apresenta músicas do seu mais recente disco L’octo-Motive (2018) e dos álbuns Sensations - Illusions (2015) e Clair-Obscur (2013) . Os trabalhos foram editados pela Sintoma Records.

A Orquestra Filarmonia das Beiras em colaboração com as orquestras de Cordas e de Sopros do DeCA, dirigidas pelo maestro Luís Carvalho, encerram a edição de 2019 dos Festivais de Outono a 29 de novembro, no Teatro Aveirense, a partir das 21h30. Neste concerto será apresentada, do compositor português Francisco de Lacerda, a obra Pantomime, que tem na sua génese a ideia de um ballet imaginário. Este ano assinala-se o 150.º aniversário do compositor que viveu entre 1869 e 1934.

Será também interpretado o Concerto para Clarinete e Orquestra do compositor americano John Corigliano, escrito em 1977, e que terá aqui a sua estreia em Portugal, contando ainda com a colaboração do clarinetista Victor Pereira, solista do REMIX Ensemble Casa da Música. Por fim, as orquestras sobem ao palco para interpretar a grandiosa Sinfonia n.º7 de Anton Bruckner, uma das mais executadas e, provavelmente, mais admiradas deste compositor, em particular pelo seu belo e profundo Adagio – uma sentida homenagem fúnebre a Richard Wagner, que morreu quando Bruckner trabalhava precisamente neste andamento.

* Foto de capa: Nuno Guedes Campos Trio (Créditos de Catarina Inácio)
Mercedes Publicidade

Apelo a contribuição dos leitores

O artigo que está a ler resulta de um trabalho desenvolvido pela redação da Aveiro Mag. Se puder, contribua para esta aposta no jornalismo regional (a Aveiro Mag mantém os seus conteúdos abertos a todos os leitores). A partir de 1 euro pode fazer toda a diferença.

IBAN: PT50 0033 0000 4555 2395 4290 5

MB Way: 913 851 503

Deixa um comentário

O teu endereço de e-mail não será publicado. Todos os campos são de preenchimento obrigatório.