AveiroMag AveiroMag

Magazine online generalista e de âmbito regional. A Aveiro Mag aposta em conteúdos relacionados com factos e figuras de Aveiro. Feita por, e para, aveirenses, esta é uma revista que está sempre atenta ao pulsar da região!

Aveiro Mag®

Faça parte deste projeto e anuncie aqui!

Pretendemos associar-nos a marcas que se revejam na nossa ambição e pretendam ser melhores, assim como nós. Anuncie connosco.

Como anunciar

Aveiro Mag®

Avenida Dr. Lourenço Peixinho, n.º 49, 1.º Direito, Fracção J.

3800-164 Aveiro

geral@aveiromag.pt
Aveiromag

Miss Quebramar Cup arranca com um grupo de surfistas muito especiais

Modalidades

Nuno Freire – mind.art | photography

 

O tempo ajudou e o mar também esteve de feição. O primeiro dia do Miss Quebramar Cup, na praia da Costa Nova, em Ílhavo, ficou marcado pela vertente social. Cerca de 30 crianças e jovens do CASCI e do Lar do Divino Salvador (este último, é uma resposta social do Património dos Pobres da Freguesia de Ílhavo), tiveram a oportunidade de sentir na pele a sensação de deslizar numa onda. A Associação de Surf de Aveiro, entidade responsável pela organização deste campeonato de surf, não abdica desta componente social – no sábado e domingo, as experiências de surf destinam-se à população em geral -, nem da vertente de edução ambiental. Em parceria com o Movimento Não Lixes, o Miss Quebramar Cup volta a ficar marcado pelas ações de sensibilização, alertando para a importância de manter as praias e os oceanos limpos.

Quanto à competição propriamente dita, este primeiro dia ficou marcado pela prova de qualificação. “É algo que não costuma acontecer nas outras competições a nível nacional, mas nós fazemos para dar oportunidade às surfistas mais novas. A que ganha a prova entra no quadro principal”, explicou Vasco Ramalheira, da organização. Madalena Guerreiro, jovem surfista da Associação Onda do Norte, de Matosinhos, foi a grande vencedora da prova de qualificação, inscrevendo, assim, o seu nome no convite oferecido pela organização para integrar o quadro principal do Campeonato Nacional de Surf Feminino 2024, que se começa a disputar este sábado.

A competição acontece, este ano, um pouco mais cedo do que é habitual - agosto tem sido o mês de eleição para a realização da prova – por causa dos Jogos Olímpicos. Em prova vão estar, ao longo de sábado e domingo, cerca de 40 atletas.

Importa lembrar que esta edição tem uma relevância especial. “São 20 anos ininterruptos de campeonato de surf feminino aqui na região”, destaca Vasco Ramalheira, congratulando-se com o facto de a Associação de Surf de Aveiro estar a contribuir, e em grande medida, para o crescimento do surf feminino em Portugal. “Em 2020 e agora também em 2024, a Yolanda Sequeira e a Teresa Bonvalot irão estar a representar Portugal nos jogos Olímpicos. Elas que foram campeãs nacionais na Costa Nova duas vezes”, realçou.

 

Festa Publicidade

Deixa um comentário

O teu endereço de e-mail não será publicado. Todos os campos são de preenchimento obrigatório.