AveiroMag AveiroMag

Magazine online generalista e de âmbito regional. A Aveiro Mag aposta em conteúdos relacionados com factos e figuras de Aveiro. Feita por, e para, aveirenses, esta é uma revista que está sempre atenta ao pulsar da região!

Aveiro Mag®

Faça parte deste projeto e anuncie aqui!

Pretendemos associar-nos a marcas que se revejam na nossa ambição e pretendam ser melhores, assim como nós. Anuncie connosco.

Como anunciar

Aveiro Mag®

Avenida Dr. Lourenço Peixinho, n.º 49, 1.º Direito, Fracção J.

3800-164 Aveiro

geral@aveiromag.pt
Aveiromag

“CTE Vai a Casa”: sala de espetáculos de Estarreja com programação online

Palcos

O Cine-Teatro de Estarreja (CTE) sempre se revelou um local de encontro e de criação, de partilha e de descoberta. No momento de incerteza que o país e o mundo atravessam, a sala de espetáculos estarrejense reinventa-se e lança uma programação online inteiramente a pensar nos seus espectadores. Neste mês de maio, o público terá acesso a uma oferta cultural totalmente gratuita nas páginas oficiais do Facebook e do Instagram do CTE, que vai desde do jazz ao cinema, com a iniciativa o “CTE Vai a Casa”.

Quartas-feiras comemoram o Jazz e a Leitura

As sonoridades do Jazz estão no ADN da cidade de Estarreja. E, por isso, não poderia faltar uma rubrica dedicada a este género musical. Às 21h30, em “Jazz Escreve-se Com…” os instrumentos vão ser tocados e contados pelos seus nomes e o Jazz, o incompreendido Jazz, vai ficar mais perto de todos, à distância. Paulo Bandeira, como músico estarrejense ligado à nascença do Estarrejazz e à sua Big Band, é o primeiro a abrir as hostilidades, no dia 6. Outro convidado desta rubrica é o jovem estarrejense Tomás Marques, saxofonista que tem marcado o panorama do jazz nacional. Para assistir no dia 20.

A “Leitura Partilhada” de um texto literário ou de um poema, cria elos afetivos capazes de alimentar o gosto a futuros leitores. Aqui, a voz e a partilha têm o efeito do aproximar a distância e de nos confinar à vida das páginas dos livros. No dia 12, às 21h30, o ator Ricardo Carriço é o moderador desta interação literária. E no dia 27, também às 21h30, a moderação está a cargo do ator Ricardo Correia. Esta ação será gravada via plataforma ZOOM e requer inscrição obrigatória.

Quintas-feiras são dedicadas à sétima arte

As “Quintas de Cinema” saltam da tela do CTE para a sala de espetáculos online, porque o cinema não pára. Sempre às 21h30, os amantes da sétima arte têm a oportunidade de assistirem às curta metragens de Luís Diogo, de Nilton Medeiros, de Pedro Baptista, entre tantos outros. Esta rubrica resulta de uma parceria com o Cine Clube de Avanca e conta ainda com o apoio do ICA do Ministério da Cultura.

Sextas-feiras desvendam novos hábitos culturais

A cultura foi um dos setores mais abalados por esta pandemia. Figuras das mais diversas áreas artísticas, estão à conversa com o CTE, para debater sobre a atual situação do setor e o seu futuro.

“À CONVERSA COM...”, no dia 8, conta com a participação do cantor Héber Marques. Na semana seguinte, dia 15, o CTE conversa com a coreógrafa e bailarina Nélia Pinheiro. Dia 22, é tempo de ouvir o ator Albano Jerónimo. E, na edição da última sexta-feira do mês de maio, escuta-se a opinião do diretor da Escola Artística do Conservatório Calouste Gulbenkian de Aveiro, Carlos Marques.

As noites de sábado convidam a reviver memórias

Recorrendo ao vasto arquivo do CTE, no dia 9, às 21h30, será recordado o concerto do quarteto liderado pelo saxofonista João Mortágua que abriu o Estarrejazz 2015 - Festival de Jazz de Estarreja, com a apresentação de “Janela”, disco de estreia da formação. No dia 16, às 21h30, é dado palco ao teatro pelas mãos do Teatro do Desassossego, sob a orientação da atriz e encenadora Tanya Ruivo, com a peça “Dicionário”.

No dia 23, às 21h30, é proposta uma viagem no tempo para sentir o pulsar da Big Band Estarrejazz. Será relembrando o Dia Internacional do Jazz com o concerto ímpar da Big Band, sob a direção musical de Pedro Moreira, que convidou, em 2016, Luísa Sobral, para homenagear uma das suas grandes influências, a diva Ella Fiztgerald.

No último sábado do mês, às 21h30, vamos assistir a um concerto que juntou, em 2016, músicos das três bandas do concelho. Um trio inédito composto por um elemento de cada Banda Filarmónica do Concelho de Estarreja (Banda Visconde de Salreu, Banda Bingre Canelense e Banda Club Pardilhoense). TRItono é o projeto artístico de Ricardo Antão, Sandro Andrade e Vasco Valente que respondeu ao convite do município de Estarreja para integrar a exposição coletiva “plastiCidade”, comemorativa do 10.º aniversário da elevação de Estarreja a Cidade.

Oficinas para toda a família nas tardes de sábado

A programação dos sábados não termina aqui. As tardes contam com muito ritmo, cor, imaginação, samba e alegria. Às 18h00, do dia 9, o estarrejense Nuno Bastos vai estar em direto para desvendar a “Composição de Samba - Enredo”. Todos são desafiados a anotar todas as curiosidades e perguntas para descobrir tudo sobre o processo e o seu papel num desfile Escola de Samba.

No dia 23, também às 18h00, Artur Carvalho, um dos dinamizadores da Orquestra Toc’Acordar, orienta a oficina “TO’QUIM CASA” onde tudo serve para fazer som e ritmo: panelas, tachos, mesas e talheres. Esta atividade pretende ser um momento lúdico de exploração rítmica e criativa, em família e dentro de casa. A participação nestas duas atividades em direto requer inscrição prévia.

Campus Jazz Publicidade

Apelo a contribuição dos leitores

O artigo que está a ler resulta de um trabalho desenvolvido pela redação da Aveiro Mag. Se puder, contribua para esta aposta no jornalismo regional (a Aveiro Mag mantém os seus conteúdos abertos a todos os leitores). A partir de 1 euro pode fazer toda a diferença.

IBAN: PT50 0033 0000 4555 2395 4290 5

MB Way: 913 851 503

Deixa um comentário

O teu endereço de e-mail não será publicado. Todos os campos são de preenchimento obrigatório.